Pokémon X e Y: a jornada ainda não acabou!

Primeiramente, gostaria de avisar que a matéria a seguir contem spoilers do jogo. Caso você ainda esteja jogando, ou não tenha as novas versões, recomenda-se que não leia a matéria por agora!

------

Pokémon X e Y inovaram muito na série: trouxeram um modo online renovado, com o Player Search System, o Pokémon Amie (possibilitando a interação com seus pokémon, até semelhante ao anime), o Super Training (que facilitou muito o treino de EV's), e vários outros detalhes, como as batalhas em 3D e novos monstrinhos. Entretanto, não é sobre estes novos recursos que irei comentar hoje aqui, mas sim sobre uma possível continuação da história em X e Y, por meio de algum futuro evento ou DLC. Provavelmente você não está conseguindo imaginar o motivo desta minha teoria, porém quando acabar de ler este especial, vai concordar com essa hipótese com certeza.

A história principal



A sexta geração inovou como sempre no quesito história, trazendo novos vilões, a Team Flare, e um novo objetivo maligno, usar a Ultimate Weapon (que possui uma grande trajetória por trás, com o Pokémon Trainer AZ) para o controle de Kalos e criar um mundo ''mais belo'', segundo Lysandre, líder da equipe. Durante sua jornada, não são muitas vezes que você da de cara com a nova equipe, algo inclusive estranho, pois todos os jogos da franquia tinham diversos encontros com os membros da Team Rocket, Team Magma & Aqua, Team Galactic e principalmente Team Plasma. A Team Flare começa a ter mais importância bem no final do jogo, quando ocupa Geosenge Town em sua base, e o jogador deve libertar Xerneas ou Yveltal e o capturá-lo de preferência, para impedir o domínio da equipe por Kalos com sua máquina mortal. Porém, todo esse enredo envolvendo os vilões da nova região, dura muito pouco, e ao encerrar o confronto, muitos ficaram com a sensação (inclusive eu) de: ''A Team Flare é só isso?''. Realmente, é só isso. Depois de impedi-los em seu objetivo, Lysandre desaparece e alguns membros da Team Flare ficam espalhados por algumas cidades, e só dizem que você estragou o objetivo deles.

Uma continuação nos aguarda



Bem, após apresentar um pequeno resumo da história principal do jogo, gostaria de entrar em algumas partes despercebidas por muitos jogadores, e com base nestes dados, apresentar a teoria de uma possível continuação de X e Y. 

Vamos iniciar pela Casa Assustadora, na Rota 14, antes de chegar na cidade de Laverre. Este ponto é obrigatório para progredir na história, apesar de que não interfere em nada no enredo principal, ou no pós jogo, tornando-se algo curioso para ser um lugar de parada essencial, junto aos seus companheiros Tierno, Shauna, Trevor e Calem/Serena. Neste local, um velho senhor conta sobre um homem que entrou ali procurando abrigo, e deu de cara com vários homens SEM FACE. A seguir, complementou dizendo que nunca se soube sobre este homem novamente. A grande questão é: estes seres sem face seriam humanos (Slender?) ou novos pokémon?


Este fato torna-se curioso por ser algo obrigatória na sua jornada, como já citei. O mistério destes seres sem face, não possui conclusão e muito menos outras citações durante o resto de sua aventura por Kalos, chegando a ser intrigante. Por qual motivo esse conto seria essencial para você? Só para dar um ar de terror como em outros jogos da série ou dando dicas de possíveis novos pokémon, afinal não temos a informação correta se estes seres eram pokémon ou humanos.

Continuando com os pontos misteriosos de Kalos e de importância presença para a conclusão da teoria, irei citar agora sobre um caso já conhecido por grande parte dos jogadores de X e Y: o fantasma de uma mulher em um dos prédios por Lumiose. Antes de ir direto a este ponto, vamos a fatos que complementam essa presença:

1. Imprensa de Lumiose City



Também em Lumiose, temos a imprensa da cidade. Neste local, temos a informação de que a editora chefe desapareceu há muito tempo, atrás de um pokémon mítico, e que ela iria começar a procurar por ele nas montanhas. As questões que ficam após essa informação: que pokémon lendário seria esse?; para onde essa mulher foi, seria Kalos ou outra região?

2. A estação de Lumiose



Vamos a outro mistério que ao tudo indica complementa o de cima. Indo para a parte de trás do painel superior dos destinos dos trens, temos uma mensagem oculta: ''eu vou buscar por ajuda, me espere no local habitual''. Bem, vamos analisar a frase por partes. Quando a pessoa cita ''vou buscar ajuda'', provavelmente refere-se a editora chefe que foi atrás do lendário mítico e estava com problemas para encontrá-lo, estando até talvez perdida. Em relação ao local habitual, entende-se que seja na imprensa de Lumiose ou talvez em um outro local que veremos agora.

3. O andar mal assombrado




Finalmente chegamos em um ponto muito comentado em X e Y. Em um próximo do Hotel Richissime, no segundo andar, acontece um evento visto apenas uma vez no game. Ao sair do elevador, a tela pisca duas vezes antes de um fantasma aparecer em sua frente. Em vez de andar, ela flutua ao seu redor, até sair da sua vista. Ela ainda diz que “Você não é o escolhido”. O curioso, que este andar é abandonado (o único com objetos antigos) e o andar de cima é completamente novo, e com muitas pessoas nele. O mais interessante ainda, é que todos os pontos se encaixam: o fantasma da mulher, provavelmente é o da editora chefe que foi atrás do lendário e não conseguiu sobreviver, e este andar seria o ponto de encontro com a sua amiga/amigo e até por isso ela comenta que você não é quem ela está procurando. Pode parecer loucura, mas tudo combina direitinho nesta história oculta. Para reforçar ainda mais essa história da editora chefe, temos uma outra NPC que se assemelha a ela e que faz um comentário interessante. No quarto andar do Hotel Richissime, uma mulher diz que não devemos falar, se não ela não conseguirá ouvir o elevador... Curioso, não? Talvez este seja o ponto de encontro das amigas, ou ela pode se referir ao outro elevador, afinal muitos suspeitam que ela seja o mesmo fantasma... É outro mistério que fica pelos ares de Kalos.



Além de tudo isso, temos outras informações que reforçam muito mais essa história sombria, no sentido de uma continuação dos jogos. Confiram a seguir.


O treinador de outra região



Temos um mochileiro que viaja por Kalos e sempre é visto pelos hotéis da região. Ao conversar com ele, este diz que veio de outra região, comentando toda vez com um ar suspeito, deixando o jogador curioso para saber que região é essa, utilizando frases como “lá tem uma cidade que… ah, deixa pra lá, alguma hora você vai ver!”. No final, após falar com ele em vários hotéis, o mochileiro te conta que não veio de Kanto, Johto, Hoenn, Sinnoh e nem Unova, e depois disso te entrega um item chamado “Strange Souvenir”, semelhante a um crânio, descrito como sendo um artefato de um Pokémon que é dito como protetor de uma região distante de Kalos. Bem, com isso as coisas começam a esquentar. Se este NPC não é de nenhumas regiões principais, surge a possibilidade de ele ser de locais que aparecem em jogos secundários da série (como Pokémon Ranger, por exemplo), mas logo isso é descartado pelo item de um pokémon protetor da região, sendo possivelmente um lendário, e um NOVO lendário, afinal ele não é de nenhuma das 6 regiões. Quando ele menciona que veremos alguma hora essa curiosa cidade, provavelmente refere-se a algo totalmente novo na série. Mas agora você deve estar se perguntando: O que isso tem haver com o caso da editora chefe de Lumiose?. Isso te explico agora mesmo! 




Retomando a história: a editora foi atrás de um lendário mítico, e desapareceu por muito tempo. Após isso, encontramos o possível fantasma da mulher e o ponto de encontro que ela tinha determinado com sua amiga pela cidade de Lumiose. Em seguida, vemos este mochileiro que diz que vem de outra região (uma nova) e nos entrega um item do que tudo indica é um lendário mítico. Ou seja, este item pode sim se referir ao pokémon que a editora foi procurar! Ainda supondo que não tenha uma relação direta, este mochileiro nos mostra que temos uma grande chance de ir para uma outra região, através de um evento futuro ou por uma DLC. Mas tenham calma... A teoria continua, ou melhor, irá acabar agora com uma constatação que você não deve ter percebido durante sua jornada por Kalos.


Couriway Town - o trem sem destino




Em Couriway Town temos alguns trilhos que tem passagem por uma montanha, sem possuir destino dentro do mapa do jogo. Isso realmente é outro fato curioso, que pode não ter sentido algum, porém acho complicado a Game Freak encher o jogo de mistérios, ocupar espaço nas versões e isso não servir para nada. Este trem sem ponto de chegada e saída, pode ser o local onde os vários NPCs de outras regiões que estão nos hotéis e rotas do jogo chegam a Kalos. Afinal, não temos um aeroporto ou outro meio de chegada por lá. A todo momento dizem que a região de X e Y é distante de todas as outras da série, portanto, a chegada por essa linha de trem faz todo o sentido, inclusive do NPC de outra região. Concluindo, é muito possível que no futuro nós embarquemos neste local para este novo local citado pelo mochileiro, e talvez possamos descobrir novas Mega Stones, o possível mistério da editora (e o lendário mítico) e até mesmo encontrar os também os possíveis pokémon sem face. Obviamente, não passa de uma teoria com fundamentos, pode ser tanto verdade quanto algo que não passa da minha cabeça. 

O que vocês leitores acham?

Gostaria de agradecer ao meu amigo Álvaro e ao site Nintendo Blast pelas informações e imagens, que foram possíveis para a elaboração de toda as informações ocultas em X e Y.

Entradas similares

0 Comentarios