Aliança Aventuras - 3 Anos



Desta vez acredito que sou o menos preparado do grupo para fazer a postagem. ~rs Mas o tempo não espera ninguém, ele simplesmente... Acontece. Para mim é pouco mais de um ano desde quando entrei. Ainda estava meio perdido, tinha toda aquela coisa do novo... E faz tempo. Sim, faz tempo. Para alguns companheiros de equipe, ainda mais tempo: três anos. Enfim, gostaria de ter preparado as próximas palavras com antecedência, porém prometo que é de coração.

Quando eu passei a acompanhar o trajeto da Aliança, estava caminhando para seu primeiro ano, e eu me sentia cada vez mais admirado pelo trabalho dos autores, do trabalho em equipe e ao mesmo tempo a identidade única de cada blog, cada história. A inovação. Aos poucos fui conhecendo os escritores, percebendo que não eram aqueles webmasters escondidos e que se mantinham apenas em seu canto. Eles eram humanos, eles eram pessoas como eu. ~rs. Eles também riam, eles também se divertiam, eles também tinham uma vida fora do blog.

Um ano depois, com o anúncio da sexta geração... Imagino que vocês já estejam carecas de saber o resto. Foi uma sensação incrível ter ingressado, era como um sonho se realizando (sem exagero, juro que senti isso). No final, como tudo na vida, teria obstáculos. Nove meses apenas acompanhando notícias, sabendo tanto quanto os leitores. Se meus companheiros de equipe tinham a vantagem de conhecer seus continentes, fiquei sem ela, mas nem por isso vocês, leitores, deixaram de demonstrar interesse. E mesmo com a fic começada, sempre tem aqueles dias que você olha para a tela do Word em branco e diz "F*ck you". ~rsrsrs. (Mas chega de falar de mim.)

Mesmo não estando presente desde o primeiro dia, no pouco tempo que estou, posso dizer que presenciei altos e baixos que me mostraram que não era tarefa tão simples, como parece quando se abre a página inicial do blog. Tivemos ótimos escritores - e amigos - que acabaram desistindo por seus motivos.

Se me permitem dizer, agradeço profundamente a cada um dos integrantes presentes e os que não estão conosco. Todos me ensinaram algo, seja bom ou ruim, seja uma lembrança boa ou horrível, direta ou indiretamente. Contudo, me limitando aos presentes, agradeço como um irmão mais novo agradecendo os cuidados. Agradeço por estarem ali, se assegurando de que eu não caísse. Sou uma pessoa muito aberta, mas ao mesmo tempo muito fechada (hã?), costumo falar bastante ou rir, porém guardo o "eu" para mim mesmo, trancado a sete chaves, onde ninguém vai encontrar. E sinto que entre eles não tem problema de vez em quando ser eu mesmo, algo que jamais achei que seria possível - principalmente pela internet. Aqui no blog, através dos capítulos, através dos artigos... Eu posso dizer o que penso, eu posso mostrar minhas ideias. Eu posso ser eu. (Ok, agora parei de falar de mim).

E repetindo a frase que acredito que vocês sempre leem aqui e ali, mas que nunca deixa de ser verdade: Estamos aqui por vocês, que leem, clicam, comentam, curtem... Os leitores são o motivo de crescermos, de aprendermos, de estarmos aqui. Não quero cair no clichê, já caindo, deixo meus agradecimentos a vocês também, por não terem enjoado nem desistido de nós.

Caso queiram um incentivo, depois de umas baixas que já passamos, vem coisa boa por aí. Ô se vem. Na Aliança toda (perceberam os novos slides, não? ~rs). Acredito que quando algo não dá certo, é porque o melhor ainda está reservado para o final. Teremos a conclusão de Sinnoh, teremos Hoenn, Kalos, Oblivia continuando seu trajeto (e eu realmente espero que Johto também), e o renascimento de Kanto, Unova e Ransei! Até eu fico ansioso ~rsrs

Obrigado leitores. Obrigado companheiros. Obrigado amigos. Vamos aproveitar este momento e continuar semeando para que o amanhã seja ainda melhor.

"Tudo o que temos é este momento
O amanhã é implícito
O ontem é uma históriaTudo o que temos é este momento"
This Moment




Entradas similares

0 Comentarios